Um Ponto De Fuga

quinta-feira, setembro 15, 2005

Manuel Maria Carrilho

Entre o INE e a CGD adjacente à Guerra Junqueiro, descortinei o perfil do Político/ Filosofo, M.M.C. à medida que alcançava a passadeira, devia ser pouco menos das 9 horas. Muito rigoroso, calça de ganga, casaco azul, sapatinho de vela (?), perna meio arqueada, quase à jogador de futebol, não ostentava um fausto incomensurável, mas também não se confundia com um Franciscano. Esperou o verde e trilhou a passadeira, (demagogo!) estava de óculos escuros, simulei indiferença, não lhe queria conferir importância, olhar para alguém de óculos é sempre um sério Handicap, se esse alguém é uma mulher, a minha atitude é em tudo semelhante, jamais dou a entender que são desejáveis. Voltei a olhar, parecia ir na direção da Mexicana, um café/bar que por questões éticas/preços, devia vedar a entrada a socialistas.
O Candidato à CML, tinha um website curial, com as normais banalidades a polirem o ego.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home